<[HEADING] class="logo-text">O crédito direito ao assunto
MENU
Ver Mais

Crédito Pessoal Formação: Para um financiamento de 8.000€, com a TAEG de 6,2% e TAN de 4,10% o prazo de reembolso é de 36 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 237,14€. MTIC: 8.748,24€ dos quais 8.000€ reembolsam o capital concedido e 748,24€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Crédito Consolidado: para um financiamento de 20.000€, com a TAEG de 13,1% e TAN de 11,10% o prazo de reembolso é de 84 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 348,20€. Montante total imputado ao consumidor: 29,776,80€ dos quais 20.000,00€ reembolsam o capital concedido e 9.776,80€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Sabia que pode prever o seu crédito habitação

Contratar um crédito habitação é uma decisão importante e que envolve uma grande responsabilidade. Por isso, antes de fechar qualquer negócio fazer pesquisas e avaliar o orçamento familiar é fundamental.

Graças às comodidades proporcionadas pela internet, hoje já é possível obter informações importantes acerca dos termos e condições do contrato de financiamento, em poucos minutos e sem sair de casa. 

Com uma simulação rápida do crédito habitação, poderá ter acesso antecipadamente a dados e informações que certamente precisarão ser analisados, de forma a garantir a segurança do consumidor que adquire uma obrigação de tamanha proporção.  

Mas sabe que informações são essas? Vamos detalhar a seguir como funcionam os simuladores de crédito, e como podem ajudar os consumidores.

Crédito habitação – Como a simulação ajuda os consumidores

Primeiramente, é interessante mencionar que o crédito habitação não envolve somente a aquisição do imóvel.

Dentro desta modalidade de financiamento também é possível obter fundos voltados para a construção de imóveis, obras, entre outros. Portanto, o primeiro passo é saber qual a finalidade do crédito habitação que pretende obter. 

Tendo isso em mente, é hora de falar em números. Antes de dar início aos simuladores propriamente ditos, os consumidores precisam ter algumas informações prévias para que o resultado da simulação possa ser calculado. 

Mesmo que ainda não tenha dados precisos, é importante saber o valor estimado do imóvel que deseja adquirir, ou obras a realizar, bem como qual é a reserva de dinheiro que possui para investir na casa.

Com isso, vamos começar a explorar o funcionamento da simulação rápida de crédito habitação.

Informações básicas para cálculo no simulador

Simuladores de crédito são ferramentas cada vez mais comuns e encontradas praticamente nos sites de todas as instituições financeiras que disponibilizam este produto.

Dessa forma, ao aceder a diferentes simuladores, os consumidores devem notar que cada um possui as suas particularidades, mas ao mesmo tempo algumas informações básicas serão solicitadas em todos. 

De entre os dados essenciais que serão solicitados nas simulações rápidas de crédito habitação estão a finalidade do crédito, quanto deseja pedir de financiamento, qual o valor do imóvel e em quanto tempo pretende pagar.

Daí a importância de ter informações prévias e conhecer sua situação financeira, pois assim a simulação estará mais próxima da realidade e o seu resultado poderá ser melhor aproveitado como ferramenta de análise e estudo do crédito. 

Que dados são obtidos através do simulador 

Com as informações básicas que serão inseridas no simulador, ao final será possível ter acesso ao valor que será cobrado pelas prestações, bem como o montante final que será pago ao banco, acrescido das taxas de juro.

A possibilidade de obter essas informações previamente, antes de se comprometer com o contrato, é sem dúvida um enorme benefício. 

Isso porque com estes dados os consumidores poderão avaliar com maiores detalhes se serão capazes de arcar com tal obrigação e qual será a extensão do valor que será comprometido no orçamento mensal.

Usufruir desta ferramenta, pode portanto, auxiliar muitos a se organizarem antes de contratar o crédito habitação, garantir o cumprimento dos pagamentos das prestações, e assim evitar o endividamento.

Essa possibilidade traz benefícios tanto para consumidores, como também para os bancos e a economia no geral, uma vez que contribui para o melhor planeamento financeiro.

Agora que você sabe como é fácil fazer uma simulação de crédito habitação, aceda aos simuladores, compare propostas e se certifique que ao final fará um bom negócio ao concretizar um sonho, mas mantendo a vida financeira saudável. 

Perguntas Frequentes

Todas as respostas às suas dúvidas sobre o crédito Credistar.

Sejá nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Contraste
Fontes legíveis
Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.