<[HEADING] class="logo-text">O crédito direito ao assunto
MENU
Ver Mais

​Crédito Pessoal Formação com TAEG a partir de 5,5% para TAN de 3,90%, consoante o prazo escolhido, Taxa Fixa, Prazo entre 24 a 120 meses. Montante a financiar entre 2.500€ a 75.000€. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista). Prazo mínimo de 12 meses e máximo de 120 meses. TAEG a partir de 5,5% até ao máximo de 14.6%.

Crédito Consolidado sem garantia hipotecária com TAEG a partir de 11,70%, TAN a partir de 9,50%, Taxa Fixa, Prazo entre 12 a 120 meses. Montante a financiar entre 5.000€ a 75.000€. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras legalmente a operar em Portugal. Prazo mínimo de reembolso de 24 Meses e Máximo de 120 meses. TAEG a partir de 2,445% até ao máximo de 14,2%.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Quando é que podem rebocar o carro

Um dos maiores medos dos condutores é que um dia parem a viatura (mesmo que por pouco tempo) num lugar errado e acabem por rebocar o carro.

A verdade é que esta não é uma situação assim tão incomum como a maior parte das pessoas julga. Se nos meios mais pequenos é mais raro acontecer, nas grandes cidades isto é o “pão nosso de cada dia”.

No entanto, como queremos que esteja informado sobre este assunto, iremos de seguida explicar-lhe tudo o que necessita saber, assim como indicar-lhe todas as situações em que o veículo pode ser apreendido pelas autoridades competentes.

Rebocar o carro:  Quando é que pode ser feito?

Levante a mão quem nunca estacionou o carro em segunda fila nem que seja só para ir ao multibanco levantar dinheiro.

Por muito insignificante que este gesto possa eventualmente parecer, a verdade é que o mesmo pode fazer com que o seu carro seja rebocado pelas autoridades competentes.

Assim sendo, de acordo com o código da estrada um carro pode ser rebocado sempre que o seu estacionamento contribuir para situações de perigo ou perturbação do trânsito.

Contudo, existem algumas situações que levam a que este reboque seja realizado sempre que o veículo está indevidamente estacionado.

As mesmas são:

·        Sempre que o carro esteja estacionado durante pelo menos 30 dias seguidos, em local público, parque ou zona exclusiva de estacionamento que se encontre isenta do pagamento de qualquer taxa de utilização

·        Sempre que a viatura esteja estacionada em parque próprio para esse efeito sendo que o valor da sua utilização não foi pago, ou tenha sido ultrapassado em no mínimo 2 horas

·        Sempre que o carro não tenha matrícula, ou cuja chapa não seja legível ou não possibilite uma correta leitura da mesma

·        Sempre que o estacionamento da viatura apresente sinais claros de abandono, e sempre após as primeiras 48 horas

·        Sempre que o estacionamento do veículo se traduza num perigo evidente ou que gere uma grave perturbação no normal funcionamento do trânsito, sendo passível a sua remoção da via pública

·        O estacionamento da viatura em local de paragem de veículos de transporte coletivo de passageiros, nas passagens de peões ou de velocípedes, em cima dos passeios ou em zona reservada exclusivamente ao trânsito de utilizadores vulneráveis (peões e velocípedes), na faixa de rodagem quando afastados do limite da berma ou passeio, em segunda fila e quando impeça o trânsito de veículos ou obrigando à utilização da parte da faixa de rodagem destinada ao sentido contrário

·        Sempre que a viatura esteja estacionada num local destinado exclusivamente ao estacionamento de veículos de certas categorias (como é o caso dos lugares reservados)

Como vê, existem inúmeras situações em que as autoridades competentes podem rebocar o carro.

Deste modo, é de extrema importância que tenha cuidado sempre que precisar parar o carro num local pouco aconselhado.

Como saber se o carro foi rebocado?

Se chegou ao lugar onde o seu carro estava estacionado e o mesmo já não se encontra lá, existem duas hipóteses: ou o carro foi roubado ou o carro foi rebocado.

Assim sendo, é importante que saiba que é possível descobrir se lhe rebocaram o carro.

Para tal, apenas precisa enviar uma mensagem escrita para o número 3838 (de acordo com o Ministério da Administração Interna), com a palavra “Reboque”, seguida de espaço e com a respetiva matrícula da viatura (que pode ou não conter os traços entre os caracteres).

No caso de o carro ter sido rebocado, irá receber uma resposta afirmativa, indicando-lhe qual a entidade que procedeu ao seu reboque, assim como o parque onde se encontra estacionado.

Saiba ainda que o mesmo pode ser rebocado por três entidades diferentes: pela Polícia de Segurança Pública (PSP), por uma empresa municipal de estacionamento (EMEL, EPORTO, etc), ou pela Polícia Municipal.

Se não tiver havido o reboque da viatura a resposta será negativa com um apelo ao contacto célere com as autoridades.

É importante frisar que este serviço é apenas válido em Lisboa, Oeiras e Porto. Contudo, prevê-se que seja alargado a mais pontos do país nos próximos meses.

Depois de saber para que local o seu carro foi levado, poderá deslocar-se para recuperá-lo.

Contudo, saiba desde já que não vai ser algo barato. Além de ter que pagar a multa, terá de pagar a taxa de entrada no local (€19), o preço do reboque (€81) e ainda o acréscimo de €19 por cada 24h que o carro esteja apreendido.

Assumindo que passa apenas um dia até ir buscar o seu veículo, terá de pagar €119, não incluindo o valor da multa nestas contas. 

Como vê, trata-se de um valor bastante elevado a pagar só porque não cumpriu com as regras de estacionamento.

Tenha cuidado e evite ter problemas neste sentido. Se precisa de parar o carro, veja se não vai causar incómodos significativos no trânsito.

Perguntas Frequentes

Todas as respostas às suas dúvidas sobre o crédito Credistar.

Sejá nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.