<[HEADING] class="logo-text">O crédito direito ao assunto
MENU
Ver Mais

​Crédito Pessoal Formação com TAEG a partir de 5,5% para TAN de 3,90%, consoante o prazo escolhido, Taxa Fixa, Prazo entre 24 a 120 meses. Montante a financiar entre 2.500€ a 75.000€. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista). Prazo mínimo de 12 meses e máximo de 120 meses. TAEG a partir de 5,5% até ao máximo de 14.6%.

Crédito Consolidado sem garantia hipotecária com TAEG a partir de 11,70%, TAN a partir de 9,50%, Taxa Fixa, Prazo entre 12 a 120 meses. Montante a financiar entre 5.000€ a 75.000€. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras legalmente a operar em Portugal. Prazo mínimo de reembolso de 24 Meses e Máximo de 120 meses. TAEG a partir de 2,445% até ao máximo de 14,2%.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Maus hábitos no local de trabalho - elimine-os para a sua própria felicidade

Independentemente de querermos ou não admitir, a grande verdade é que a maioria de nós tem verdadeiramente alguns maus hábitos no local de trabalho.

Embora alguns possam ser um pouco mais inocentes do que outros, existem alguns hábitos que podem ser muito prejudiciais à sua carreira.

Assim sendo, hoje resolvemos abordar este tema. De seguida indicamos-lhe alguns daqueles hábitos que pode eliminar da sua vida laboral. Ora continue a ler.

Maus hábitos no local de trabalho: Conheça estes e evite-os

Tal como dissemos, existem alguns hábitos que devem ser verdadeiramente eliminados da sua vida laboral.

Não só porque causam uma má imagem sobre si, mas porque podem influenciar negativamente a sua reputação e qualidade do trabalho desenvolvido.

Assim, de seguida indicamos-lhe alguns dos maus hábitos no local de trabalho e que deve definitivamente eliminar pelo bem da sua carreira.

1 – Falta de pontualidade

Este é um dos piores hábitos que pode ter. Claro que não lhe estamos a dizer que uma vez por outra não possa acontecer um problema.

O que estamos verdadeiramente a dizer é que chegar atrasado todos os dias ao trabalho não é de todo uma boa opção.

Por muito bom que seja o seu trabalho, os seus colegas e a sua entidade patronal vão começar a ficar de pé atrás consigo. E pior ainda é se chega atrasado a compromissos com clientes.

Se o faz frequentemente está na hora de mudar essa questão, pois pode a curto / médio prazo tornar-se um verdadeiro problema.

2 – Dar desculpas para os erros que comete

Errar é humano e todos nós erramos de uma forma ou de outra.

Contudo, se erra com imensa frequência e está sempre a dar desculpas esfarrapadas para todos os seus erros isso é um dos piores hábitos que pode ter.

Acredite que a sua entidade patronal consegue facilmente perceber se os erros que comete são devidos a desatenção ou se os comete mesmo porque não sabe.

E, pior do que não saber é fingir que sabe alguma coisa e depois cometer erros que podem efetivamente comprometer toda a equipa.

3 – Ter tiques

A verdade é que muitos de nós temos algum tipo de tique. Seja enrolar o cabelo, morder as canetas ou bater incessantemente com as unhas na mesa (este último é especialmente um tique feminino).

Contudo, alguns destes tiques, principalmente os barulhentos são um dos maus hábitos no local de trabalho que deve eliminar hoje mesmo.

Acredite que ninguém quer estar a trabalhar enquanto ouve barulhos que são verdadeiramente incomodativos.

4 – Estar constantemente a queixar-se

Por muito bom profissional que seja, se é uma daquelas pessoas que leva mais de metade do dia a queixar-se (seja do trabalho ou da sua vida pessoal), acredite que mais cedo ou mais tarde vai ouvir algo que não quer.

Acredite que lhe dizemos que ninguém tem paciência para aturar um colega que está constantemente a reclamar da vida.

Se não gosta do seu trabalho, nada mais simples do que procurar alguma coisa que gosta realmente de fazer. Ou então, quem sabe…

Porque não criar o seu próprio negócio? Existem inúmeras opções no mercado.

5 – Procrastinar

Podemos dizer que procrastinar é tão somente o ato de adiar a realização de uma tarefa.

Para a pessoa que está a procrastinar, isso resulta em stress, sensação de culpa, perda de produtividade e vergonha em relação aos outros, por não cumprir com as suas responsabilidades e compromissos.

Embora a procrastinação seja considerada normal, torna-se um problema quando impede o funcionamento normal de um negócio ou mesmo das lides domésticas.

Entregar trabalho a tempo e horas é algo muito valorizado por todos num ambiente de trabalho comum. Se é uma daquelas pessoas que está sempre em atraso, acredite que isso não interessa a ninguém, e se for recorrente, deteta-se facilmente ao fim de algum tempo.

6 – Usar linguagem descuidada

Obviamente que uma vez por outra, por estar mais irritado ou stressado é normal que saia uma palavra menos favorável ao local de trabalho.

Contudo, se está frequentemente a ser avisado pelos seus colegas e pela sua entidade patronal para ter cuidado com o que diz, é porque precisa urgentemente de mudar a linguagem.

Acredite quando lhe dizemos que este é um dos maus hábitos no local de trabalho que podem colocar em risco a sua reputação.

7 – Usar o local de trabalho como refeitório

Todo bem que de vez em quando pode comer algo que não suje o seu local de trabalho.

Mas, é diferente falarmos de uma sandes ou de uma peça de fruta a falarmos de um prato de cozido à portuguesa ou bacalhau com natas.

É preciso ter alguns cuidados extra para não pensar que o seu local de trabalho é um refeitório. Isso pode gerar vários problemas.

Agora que já sabe 7 maus hábitos no local de trabalho está na hora de os eliminar verdadeiramente da sua jornada diária.

Acredite que mesmo sem se aperceber os mesmos podem colocar em causa o se posto de trabalho.

Perguntas Frequentes

Todas as respostas às suas dúvidas sobre o crédito Credistar.

Sejá nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.