<[HEADING] class="logo-text">O crédito direito ao assunto
MENU
Ver Mais

Crédito Pessoal Formação: Para um financiamento de 8.000€, com a TAEG de 6,2% e TAN de 4,10% o prazo de reembolso é de 36 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 237,14€. MTIC: 8.748,24€ dos quais 8.000€ reembolsam o capital concedido e 748,24€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Crédito Consolidado: para um financiamento de 20.000€, com a TAEG de 13,1% e TAN de 11,10% o prazo de reembolso é de 84 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 348,20€. Montante total imputado ao consumidor: 29,776,80€ dos quais 20.000,00€ reembolsam o capital concedido e 9.776,80€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Devo ou não pedir um crédito urgente em 24 horas 

Por vezes, na nossa vida, somos surpreendidos por imprevistos, acabando por ter necessidade de pedir um crédito urgente em 24 horas.   

Quantos já se viram numa situação destas por uma questão de última hora?   

No artigo de hoje iremos explicar-lhe tudo o que necessita saber sobre esta tipologia de crédito. Desta forma, estará informado caso um dia venha a precisar recorrer a este produto financeiro.   

Crédito urgente em 24 horas: O que é?   

Como referido anteriormente, é normal, que por vezes aconteçam situações às quais não temos solução aparente. Mas, uma possível solução passa por pedir um crédito urgente.   

Este tipo de crédito, registou um aumento significativo relativamente à sua procura. A que se deve isto? Com a crise que afetou o nosso país e sucessivamente a população, muitas famílias viram-se “obrigadas” a pedir créditos de maneira que conseguissem endireitar a sua vida.   

E, o crédito urgente em 24 horas faz parte dessa ajuda.   

Este produto financeiro é então, um crédito pessoal. Crédito este que, é concedido por uma entidade financeira, no prazo de 24 horas.  

Podemos ainda referir que o crédito urgente 24 horas dispensa as enormes burocracias que são normalmente impostas pela banca tradicional.   

Embora o processo demore por norma 24 horas, fique desde já a saber que por vezes pode ser acelerado, se tiver um histórico bastante positivo. Isso porque a entidade não necessita de tanto tempo para averiguar o seu histórico bancário, logo a decisão pode ser tomada de forma mais célere.   

Como conseguir o melhor crédito?   

Para que possa optar pelo melhor crédito urgente em 24 horas, lembre-se que a pesquisa e a calma são as suas melhores amigas. Ser impulsivo e impaciente nesta situação não lhe trará quaisquer benefícios.   

Ao realizar uma pesquisa acertada sobre as ofertas disponíveis no mercado para este produto financeiro, será muito provavelmente “atacado” por diversas ofertas e entidades que se dizem ser as melhores. Assim, para não cometer um erro, opte por realizar simulações.    

Se acha que está a demorar tempo a mais, esqueça esse sentimento, pois será bastante mais vantajoso para si futuramente fazer uma escolha adequada.  

Ao realizar estas simulações, terá a certeza de que esgotou todas as opções disponíveis e optou pela que melhor se adequava às suas necessidades.   

Lembre-se ainda que deve sempre consultar as condições associadas a cada um dos créditos urgentes em 24 horas para que fique 100% informado do que está a realizar.   

 

De que forma é feito o financiamento?   

Realizar um crédito urgente em 24 horas, é bastante rápido e prático. Como seria de calcular, hoje em dia poderá realizar todo o pedido através da internet, sem necessitar de sair do conforto da sua casa.   

Depois de realizada a simulação, terá de efetuar o pedido e enviar toda a documentação necessária para a realização do mesmo. Por norma, a documentação pedida, passa por: 

  • Cartão de cidadão (CC) ou bilhete de identidade (BI) 
  • Comprovativo de morada 
  • 3 últimos recibos de vencimento 
  • Comprovativo de NIB 

Após realizado o estudo do seu pedido por parte da instituição financeira e depois de este ser consecutivamente aprovado, poderá aceder ao valor requerido na sua conta bancária.   

Os valores para este crédito podem variar este os 500 euros e os 75 000.   

Relativamente aos prazos de pagamento estes fixam-se em prazos até aos 120 meses.   

Vantagens associadas ao crédito urgente em 24 horas  

Para que saiba quais as vantagens associadas ao efetuar o pedido de crédito, explicamos-lhe tudo já de seguida.   

A principal vantagem associada, é a rapidez com que será disponibilizado o valor em questão. O que poderá fazer com que possa tratar rapidamente de qualquer necessidade ou imprevisto.   

Outra dos grandes benefícios é o facto de não ser uma solicitação de crédito burocrática. Ou seja, poderá realizar o pedido em qualquer lugar, através da internet, recorrendo a pouca documentação.    

Quais são os requisitos para obter um crédito rápido 24 horas?   

Como em qualquer outro crédito existem alguns requisitos para que consiga obter o crédito em questão.  

É então necessário que, tenha no mínimo 18 anos de idade, seja cidadão português, tenha um rendimento mensal fixo e uma conta bancária válida para o pedido do mesmo.   

Esperemos que este artigo lhe tenha sido útil e que possa agora compreender tudo o que necessita relativamente a este crédito urgente em 24 horas.   

Lembre-se sempre que deve ponderar e avaliar a necessidade de crédito, assim como a sua capacidade para o pagar a longo prazo. Não seja precipitado e avalie atentamente todas as opções que tem ao seu dispor.   

Para qualquer dúvida que tenha ou que lhe surja, lembre-se que pode contactar-nos. Estamos ao seu dispor para qualquer questão. 

Perguntas Frequentes

Todas as respostas às suas dúvidas sobre o crédito Credistar.

Sejá nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Contraste
Fontes legíveis
Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.