<[HEADING] class="logo-text">O crédito direito ao assunto
MENU
Ver Mais

Crédito Pessoal Formação: Para um financiamento de 8.000€, com a TAEG de 6,2% e TAN de 4,10% o prazo de reembolso é de 36 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 237,14€. MTIC: 8.748,24€ dos quais 8.000€ reembolsam o capital concedido e 748,24€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Crédito Consolidado: para um financiamento de 20.000€, com a TAEG de 13,1% e TAN de 11,10% o prazo de reembolso é de 84 meses ao que corresponde uma mensalidade fixa de 348,20€. Montante total imputado ao consumidor: 29,776,80€ dos quais 20.000,00€ reembolsam o capital concedido e 9.776,80€ respeitam ao custo total do crédito. Crédito sujeito a aprovação de Instituições Bancárias e Financeiras a operar legalmente em Portugal (ver lista).

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Artigos

Toda a informação sobre soluções de crédito, empréstimos e poupanças num só local. De fácil acesso e sem perder tempo.

Dicas de primeiros socorros - O que não deve nunca fazer

15 de Dezembro de 2017

A verdade é que atualmente todas as pessoas devem saber o que podem ao não fazer para prestar os primeiros socorros a alguém.

Desta forma, hoje damos-lhe dicas simples do que deve e não deve fazer em caso de urgência. Contudo, lembre-se sempre que as mesmas podem salvar a vida de alguém. No entanto, em caso de urgência, ligue sempre para o número de emergência nacional – 112. 

Ler Mais

Aplicações que o ajudam a controlar as finanças pessoais e o seu tempo

10 de Dezembro de 2017

Todos sabemos que controlar as finanças e o tempo pode ser um trabalho complicado, principalmente quando não sabe ao certo quais os gastos que tem mensalmente nem tudo o que tem para fazer.

Assim sendo, hoje apresentamos-lhe 8 aplicações que o podem ajudar no controlo das suas finanças e tarefas diárias e consequentemente ajudá-lo a organizar a sua vida.

Apresentamo-las de seguida de forma a que comece 2018 com a sua vida mais organizada. 

Ler Mais

Qual o melhor crédito habitação?

10 de Dezembro de 2017

São cada vez mais as entidades bancárias que têm ao seu dispor diversos tipos de crédito habitação, de forma a conseguirem ajudá-lo a dar seguimento ao seu sonho: comprar a sua nova casa.

Contudo, sabemos que nem sempre escolher um financiamento é uma tarefa simples, e a resposta à questão “Qual o melhor crédito habitação?” não será de todo unanime a todos os consumidores (já que as necessidades são bastante distintas).

Assim sendo, hoje iremos dar-lhe algumas dicas que podem ajudar a escolher o melhor financiamento para si. Além disso, apresentamos-lhe também uma simulação de forma a que perceba o quão importante é optar por um crédito adequado. 

Ler Mais

Como poupar nos seguros obrigatórios do crédito habitação

23 de Novembro de 2017

Quem quer comprar casa com recurso a crédito habitação, sabe que existem seguros obrigatórios que necessita de contratar de forma a que seja dado seguimento ao pedido.

Mas será que sabia que é possível poupar muito dinheiro todos os meses se negociar os seguros obrigatórios do crédito habitação? É verdade.

Embora o seguro multirriscos não seja de todo o que tem mais peso na sua carteira, saiba que o seguro de vida pode ser muitas vezes uma despesa muito mais elevada que o montante que paga de prestação. 

Ler Mais

Perguntas Frequentes

Todas as respostas às suas dúvidas sobre o crédito Credistar.

Sejá nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Contraste
Fontes legíveis
Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.